quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Por pouco não houve um novo 174 no Rio

video
Saudações caríssimos blogueiros!!!!

Mais uma vez minhas escusas, pela ausência de quase uma semana...
Nos últimos dias acompanhamos mais um episódio, que pareceu assemelhar-se como o ônibus 174, ocorrido há de dez anos, culminando na morte de uma jovem professora, tomada como refém e na do assaltante Sandro,  morto asfixiado dentro de uma viatura PM, onde se encontravam um oficial e dois soldados.
Não é de mais lembrar que a jovem também fora assassinada pelo soldado, que ao tentar atingir o assaltante, Sandro, erra, atingindo a jovem que vem a óbito.
Ora, muito se tem falado que a Polícia brasileira carece de um melhor preparo.  Pois bem, dessa feita, não houve mortes, mas quatro passageiros (reféns) que estavam no ônibus saíram feridos, e um deles gravemente.
As mesmas ações foram feitas, inclusive, com PMs atirando no ônibus, que pasmem todos, estava sendo guiado por um dos reféns. Ora, quando será estabelecido um Procedimento Operacional Padrão (POP) para as Polícias brasileiras, orientando e normatizando a sua forma de agir, valorizando e presenvando vida.  Muito embora, não é de mais lembrar que já há uma portaria do Ministério da Justiça (link http://ultimainstancia.uol.com.br/conteudo/noticias/49837/portaria+interministerial+4226+de+31+de+dezembro+de+2010.shtml), que norteia tal procedimento...

Vou ficando por aqui...
Analisem os fatos, vejam o vídeo acima,  leiam ou releiam a portaria e tirem suas próprias conclusões, afinal de contas, nós todos estamos andando todos os dias pelas ruas..

Je vous embrasse mes amis...

PS.: como dica cultural é possível ter uma análise mais abrangente sobre a temática vendo " A última parada 174"..

Nenhum comentário:

Postar um comentário